sábado, 4 de fevereiro de 2017

SARANDI: Taxista​ é encontrado morto, após pegar carro do funcionário emprestado.


Um corpo foi encontrado na manhã deste sábado (4), na zona rural de Sarandi (a sete quilômetros de Maringá). Um agricultor fez a descoberta do cadáver em meio a uma plantação e denunciou o caso à Polícia Militar.
Às margens da Estrada Maraipu, que dá acesso ao lixão, os policiais localizaram o corpo com diversas marcas de tiro condizentes com uma execução. A vítima teria sido atingida por pelo menos dez disparos na cabeça e tórax.

Uma equipe do Instituto Médico-Legal (IML) de Maringá recolheu o corpo, de um homem branco que aparenta ter cerca de 30 anos. Ele usava uma calça jeans e camiseta verde.
Como a vítima não levava documentos, o IML aguarda familiares para a identificação. Este foi o quarto homicídio de 2017 em Sarandi, o terceiro deles em uma semana.
Colaboração: Massa News

ATUALIZANDO PAGINA Maringá na Hora


Um homem foi encontrado morto na manhã deste sábado (4), ás margens da Estrada Maraipu na zona rural em Sarandi. Um agricultor que passava pelo local encontrou o cadáver em meio a uma plantação e chamou à Polícia Militar. No local os policiais localizaram o corpo com varias perfuração pelo corpo, a maioria na região da cabeça. No local foram encontradas capsulas de pistola P.40 e também possa ser que os assassinos utilizou um revolver calibre 32. Algumas horas após o crime a policia Militar de Maringá recebeu uma denúncia, onde o solicitante informou que um veículo, VW Gol estaria em chamas em um canavial atrás do Tenda Motel. No local os policias encontraram o veículo totalmente queimado. Foi consultada a numeração chassi do veículo e o mesmo não constava queixa de furto. Então os policias se deslocaram até á residência do proprietário. Questionado sobre o veículo o mesmo contou que emprestou o veículo ao patrão na noite de sexta-feira por volta das 21h. Na delegacia o funcionário e dono do veículo contou que o sogro da vitima esteve na delegacia e teria dito que antes de ser morto a vítima deixou a esposa no serviço por volta das 6:30 da manha deste sábado na região central de Maringá e 4 horas depois foi encontrado morto em Sarandi. A Policia Civil já entrou no caso e tenta descobrir os assassinos.



Nenhum comentário:

Postar um comentário