segunda-feira, 11 de maio de 2015

Homem leva anestesia de cesárea para tirar cenoura do traseiro

O fato é que, novamente, Maringá é palco de uma história bizarra envolvendo plantas, sexo e hospitais. "Amor, fiz coisa errada!" Ao ouvir essa frase, a mulher suou frio ao pensar que o marido colocaria fim no casamento de vários anos, confessando uma traição. O que ela não imaginava é que a rival tinha um corpo afilado, pele em tons alaranjados, vasta cabeleira verde e pertence à tradicional família das apiáceas. Foi assim que um homem comunicou à esposa que havia introduzido uma cenoura no traseiro e a planta não fazia o caminho de volta. O caso aconteceu neste ano e exigiu cirurgia de emergência. O homem estava em casa quando, não se sabe o motivo, resolveu enfiar a planta inteira no próprio ânus - e a cenoura entalou lá. Após a confissão, todos os envolvidos no caso foram parar no hospital. Para retirar a cenoura, foi necessário aplicar no homem uma raquianestesia - procedimento geralmente usado em partos por cesárea, no qual o paciente perde toda a sensibilidade da cintura para baixo. Fontes de odiario.com alertaram que, em virtude de suas propriedades e composição, a cenoura não aparece no raio-x, tornando mais complexa a intervenção cirúrgica. As mesmas fontes informaram que a cenoura tinha um tamanho avantajado, pesando quase duzentos gramas. A título de curiosidade, é bom lembrar que apenas cem gramas de cenoura são suficientes para suprir as necessidades diárias de vitamina A de um ser humano, quando consumidas de maneira normal. Após a cirurgia, o paciente recebeu alta e voltou para casa. Especula-se que a esposa providenciou um cadeado para a despensa e trocou cenouras, berinjelas e afins por alface. O Diário.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário